domingo, 4 de abril de 2010

03.04.

J.
eu nem sei como começar a te falar tudo isso, olha eu amei muito você, so que a gente é muito diferente um do outro, você tem uma idéia tão formada e fixa sobre isso, sobre nós, e eu, bom acho que você já sabe que eu levo na brincadeira, sou muito imatura pra isso. E você não merece isso, merece algo melhor, precisa de alguém que vai te dar mais atenção do que eu posso te dar, alguém que vai assumir isso com mais responsabilidade do que eu, alguém que lute por isso, que se dedique mais do que eu, alguém que cuide de você, assim como você me protegeu, alguém que preste atenção, alguém que se importe milhões de vezes mais do que eu, alguém que segure firme a sua mão, um pouco mais forte do que eu pude segurar, alguém que não vai te deixar. Eu sei que é difícil, mas eu quero que você me entenda, como sempre me entendeu. Eu fui muito feliz do teu lado, você me fazia tão bem, me fazia sentir que eu podia fazer tudo, mas, infelizmente, eu não posso, você me fez rir das coisas mais idiotas, você me entendia como ninguém, e apesar das brigas por causa de ciúmes, eu amei você, eu aprendi a amar você como todos os seus defeitos, todos os problemas, todas as duvidas. Eu sei que disse que ia ser pra sempre, e vai, pelo menos na minha memória, mas você sabe que o pra sempre, sempre acaba. Eu não queria que acabasse assim, mas acho que vai ser melhor pra nós dois, e espero que mesmo assim você continue cuidando de mim, nem que seja de longe, através dos outros sei la, só não quero me afastar tanto de ti. Te peço milhões de desculpas, desculpa não, é pouco, te peço perdão por isso, mas você já devia saber que eu sou errada, que enjôo fácil, que eu sou de fases. Eu te amei, e ainda te amo, mas não como você me ama, não como você merece. E por isso acho que não consigo continuar, eu não consigo ficar com você sabendo que eu não te amo o suficiente. Eu não quero que você fique mal, que pare de fala comigo, ou que sofra por mim, eu não mereço nenhum pouco do seu sofrimento. Você precisa mais do que um cérebro confuso, precisa mais do que isso. Me perdoa.
F.



PS: Feliz páscoa! muitos chocolates e coisas boas, e espero que a de vocês seja melhor do que a minha., beijos até a próxima.

4 comentários:

  1. Parece tão errado eu comentar em uma coisa tão pessoal, mas enfim, queria primeiramente agradecer por você acompanhar Roxane, uma das únicas diga-se de passagem. Então obrigada.
    E dizer que lamento(?) por vocês não darem certo, se é pra ser F. de Fernanda no caso. Se não for, errar é humano não?
    Beijão Fernanda, e feliz páscoa pra ti tbm (mesmo hoje já sendo quinta)!

    ResponderExcluir
  2. É tão triste quando o amor acaba....

    Gostei demais do post.

    Obrigada por ter retribuido a visita.
    Estou seguindo seu blog tah??
    Bjoks

    ResponderExcluir
  3. gostei do teu blog vou seguir!
    segue o meu também?
    http://ncavalcante.blogspot.com/

    beijos!!!

    ResponderExcluir
  4. POOOOOOOOOORRA LOUCA , EU VOU ROUBAR TEU TEXTO , ééé ~WELKÇ~,MWELÇWEKMLWE mas velho eu me vi inteiramente nele , cara serio , to impressionada , é -s *o*

    ResponderExcluir